Função G & Função M

Com o surgimento do controle numérico foi necessário se desenvolver uma linguagem entendível pelos controles das máquinas e esta deveria ser padronizada para que minimizasse o efeito "Torre de Babel" tão comum em tecnologias emergentes, deste modo a EIA Standards, (Associação das industrias elétricas dos EUA) e posteriormente e mais em nível mundial a ISO (International Organization for Standardization). Adotaram algumas prerrogativas, uma delas a distinção entre código G (general ou preparatory) e código M (miscelaneous).
Tentaremos aqui ser o mais coloquial possível, pois a intenção é que com simplicidade distingamos as duas correntes.

As funções G: fazem com que as máquinas CNC se comportem de uma forma especifica quando acionadas, ou seja, enquanto tal G estiver acionado o comportamento da máquina será de tal modo.
Ex.
G00X...Y…Z... è todo movimento será executado na velocidade máxima de cada eixo;
G02X...Y...Z... è Todo movimento será em interpolação circular no sentido horário.

E assim por diante, quer dizer que os códigos G irão interferir no comportamento da máquina.

As funções M:
agem como botões liga e desliga de certos dispositivos tais como: ligar ou desligar o óleo refrigerante, travar ou destravar um eixo.

Ex.
M00 è Desligar todos os dispositivos ou encerrar o programa
M30 è Rebobinar a fita.
M08 è Ligar o refrigerante.

Porém tendo em vista que a nomalização é um tanto quanto difícil estas prerrogativas podem ser alteradas conforme as necessidades e boa vontade dos fabricantes de máquinas CNC e Controles.

Home | Fale Conosco | Histórico | Artigos | Links | Downloads | Tutoriais & Vídeos | Classificados

Copyright © 2008 - Mundo CNC - Todos Direitos Reservados.